Padre surdo realiza casamento de deficientes auditivos


Deficientes auditivos, Tomé Júnior e Suelenne Souza se casaram no domingo, dia 22 de março, em uma cerimônia realizada por um padre surdo. O matrimônio foi celebrado em Libras (Língua Brasileira de Sinais) na igreja Nossa Senhora Aparecida, no bairro Pacoval, Zona Norte de Macapá, Amapá (AP).

O casal, que se conheceu há quatro anos durante um curso de libras, decidiu oficializar o relacionamento depois que Suelenne ficou grávida.

Os amigos dos deficientes auditivos organizaram uma surpresa que emocionou os convidados. Tomé havia convidado o padre curitibano Wilson Czaia, que também é deficiente auditivo, mas, a pedido da família do casal, ele recusou.

O que os noivos não sabiam que seus parentes já haviam combinado tudo com o padre. De última hora, o sacerdote que iria celebrar o casamento disse que precisava sair para um compromisso urgente. De surpresa, Wilson Czaia chegou à igreja e assumiu a cerimônia.

A presença do sacerdote curitibano e do seu intérprete na igreja emocionou noivos e convidados. “Foi um pouco difícil chegar, mas conseguimos. Foram sete horas de viagem até Macapá. Nós aceitamos esse sacrifício porque o mais importante é ajudar”, afirmou o padre.

padre-celebra-casamento-de-deficientes-auditivos-no-amapá

Emocionada, Suelenne logo esqueceu o susto e se disse realizada. “Foi um sonho realizado para mim e para o meu marido, pois a gente pensou que ia dar tudo errado e no final fomos surpreendidos. Foram momentos que eu nunca vou esquecer”, comemorou a noiva.

Conheça a história completa aqui.

(*) Fotos: Reprodução/TV Amapá

Tópicos: Sem categoria

Outubro Rosa

01/10/2013

arrow-up