Problemas auditivos gera exaustão e baixa disposição


De acordo com estudos, adultos que não procuram tratamento são mais propensos a desenvolver problemas relacionados a saúde

A sensação de exaustão acontece independe do nível da perda  

O aumento de risco de exaustão severa e problemas de disposição não está relacionado ao nível de perda auditiva, isso quer dizer que uma perda leve também pode gerar os mesmos problemas de falta de disposição de quem tem perda auditiva severa.

O estudo concluiu que “as consequências negativas psicológicas e a perda auditiva estão associadas com avaliações subjetivas de fadiga, em todos os domínios e disposição”.

Aparelho auditivo pode ajudar

Estudos revelam que na maioria dos casos, o uso de aparelho auditivo melhora a qualidade de vida dos usuários e reduz os impactos negativos da perda auditiva.

As pessoas que usam aparelho auditivo aproveitam melhor a vida e também se sentem menos cansados. As situações mais positivas geradas pelo uso de aparelho auditivo estão associadas à vida social, ouvindo melhor a pessoa se recoloca nos núcleos sociais antes evitado.

 O estudo

O estudo foi realizado por pesquisadores do Departamento Auditivo e de Ciência da Fala da Universidade Vanderbilt, nos Estados Unidos (Department of Hearing and Speech Science, Vanderbilt Bill Wilkerson Center). No estudo, foram analisados os resultados de 149 pesquisas de participantes com idade média de 66 anos, que foram consultados acerca de suas dificuldades auditivas.

Não sofra com problemas auditivos!  Agende uma consulta 

https://www.direitodeouvir.com.br/agende-sua-consulta

 

Tópicos: Sem categoria
arrow-up