VEZ DA VOZ – dando voz e vez às pessoas com deficiência


Vez da Voz

 Criada em 2004, a VEZ DA VOZ é uma OSCIP que luta pela inclusão da pessoa com deficiência. No Brasil, 24 milhões de pessoas que precisam de acessibilidade em diferentes áreas, inclusive na área de comunicação. Com representantes em São Paulo e Campinas, a Vez da Voz é formada por profissionais com e sem deficiência. As ações da Vez da Voz são variadas e focam a comunicação, a informação e o adequado atendimento às pessoas com deficiência. Dentre suas ações está à produção de vídeos (inclusive com narração, língua de sinais, legenda e audiodescrição), a elaboração de materiais educativos, oferecimento de palestra, cursos, treinamentos em empresas e apresentações artísticas.

Também produz o primeiro telejornal inclusivo da internet e da televisão – Telelibras, que mostra a diversidade racial ente jornalistas, tem interpretes de Libras ao lado do apresentador, e ainda conta com uma equipe de repórteres com deficiência. Informando o que acontece no Brasil e no mundo é voltado para o público surdo.

Cláudia Cores é a presidente e conviveu desde criança com a diversidade, ela tem um irmão com síndrome de dowm, foi sua historia junto com o irmão que a fez descobrir uma missão – a de incluir pessoas com deficiência no mundo da comunicação. Depois que seu irmão, Paulo morreu, Cláudia e sua outra irmã Paloma criaram a Vez da Voz.

Sua missão é promover a inclusão social da pessoa com deficiência, utilizando a arte, a cultura e a educação como ferramentas para a diminuição das diferenças e como alicerces para a sustentabilidade e o exercício da cidadania. Sua visão é ser referencia de ineditismo como empreendedor social na área da comunicação e inclusão das pessoas com deficiência.

Por sua atuação recebeu o selo de Apoio Institucional da Unesco e firmou parcerias com a Prefeitura de São Paulo, Fundação Dorina Nowill para cegos/SP, e outras instituições. Na “Retrospectiva 2008” foi considerada uma das melhores ações sociais do país ela equipe do Programa Ação da Rede Globo, e em 2009 foi finalista do Prêmio Empreendedor Social da Folha de SP.

Tópicos: Sem categoria
arrow-up